Perfil: novo secretário de Estado adjunto do MAI foi chefe de gabinete de Marques Mendes

Juvenal Silva Peneda, nomeado secretário de Estado adjunto do ministro da Administração Interna, foi chefe de gabinete de Marques Mendes e actualmente era secretário executivo da Comunidade Intermunicipal do Alto Minho.

Irmão mais novo de José Silva Peneda, presidente do Conselho Económico e Social e antigo ministro do Emprego e da Segurança Social no governo de Cavaco Silva, Juvenal Silva Peneda, é casado e nasceu em 1954.

O novo membro do Governo integrou a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDR-N) e foi responsável do gabinete de cooperação transfronteiriça inter-regional neste órgão.

Trabalhou com Marques Mendes entre 1992 e 1994, quando este foi ministro-adjunto do então primeiro-ministro Cavaco Silva.

Licenciado pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, Juvenal Silva Peneda é técnico superior da Comissão de Coordenação da Região do Norte desde 1977, tendo sido chefe de divisão de Integração Europeia e director regional de Planeamento e Desenvolvimento da CCDR-N entre 1984 e 1992.

Docente do curso pós-graduação da Universidade Católica em Economia e Direito Europeu (1987-92), foi ainda presidente da Unidade de Gestão do Programa Operacional do Alto Minho – PROAM, 1989 e 1994.

Foi também presidente da direcção do Parque de Ciência e Tecnologia do Porto (1994-97) e coordenador geral da Comunidade de Trabalho Galiza/Região Norte (1994-2002) e da Comunidade de Trabalho Norte de Portugal – Castela e Leão (1999-2002).

Juvenal Silva Peneda foi igualmente presidente do Conselho de Administração da Sociedade Transportes Colectivos do Porto (STCP) entre 2003 e 2006 e foi administrador do Metro do Porto (2004-2008). Estava na Comunidade Intermunicipal do Alto Minho desde 2008.

Juvenal Silva Peneda será secretário de Estado adjunto do ministro Miguel Macedo, sendo empossado pelo Presidente da República esta quinta-feira, às 17h00, no Palácio de Belém.