Perfil: Carlos Nuno Oliveira, secretário de Estado do Empreendedorismo, Competitividade e Inovação

Carlos Nuno Oliveira
Foto
Carlos Nuno Oliveira Nelson Garrido

Para uma nova secretaria de Estado – a do Empreendedorismo, Competitividade e Inovação – o nome escolhido foi Carlos Nuno Oliveira, o empresário que criou a MobiComp e a vendeu à Microsoft, naquele que foi o maior investimento do gigante americano na área da tecnologia em Portugal.

Licenciado em Engenharia de Sistemas e Informática pela Universidade do Minho - participou no Programa Avançado de Gestão em Telecomunicações e Tecnologias de informação da Universidade Católica Portuguesa - Carlos Nuno Oliveira tornou-se conhecido como um dos jovens empresários mais bem sucedidos do país e, em 2006, recebeu uma condecoração por parte do presidente da República (Ordem do Mérito). É vice-presidente da Associação Industrial do Minho.

Em 2000, juntamente com mais três sócios, reuniu cinco mil euros para fundar a MobiComp, empresa que viria a tornar-se famosa, sobretudo nos mercados asiáticos, graças às suas aplicações para smartphones e telemóveis. Em 2008, vendeu a MobiComp à Microsoft, por uma soma não divulgada, na ordem das dezenas de milhões de euros.

Depois disso, ficou a liderar o centro de Investigação e Desenvolvimento de Mobilidade da Microsoft, em Braga. Em Dezembro do ano passado, Carlos Nuno Oliveira deixou a Microsoft com estas palavras: “Para já, vou iniciar um período sabático, onde vou dedicar mais tempo à minha família e maturar algumas ideias para iniciar um novo ciclo na minha carreira”.

De acordo com o seu perfil na rede social LinkedIn, Carlos Nuno Oliveira exerce ainda alguns cargos em outras empresas: é sócio da Pathena (empresa de investimento em tecnologias de informação) e fundador e presidente do conselho de administração da Cardmobili (fornecedor de serviços móveis). É ainda director do Centro de Excelência em Desmaterialização de Transacções (CEDT), que se define como uma rede de competências de empresas e de entidades científicas e tecnológicas para promover a desmaterialização de transacções.

P24 O seu Público em -- -- minutos

-/-

Apoiado por BMW
Mais recomendações