Futebol

FIFA ignora Taça Latina do Benfica, FC Porto é o clube português com mais títulos

O troféu da Liga Europa foi um dos quatro que o FC Porto conquistou em 2010/11
Foto
O troféu da Liga Europa foi um dos quatro que o FC Porto conquistou em 2010/11 Phil Noble/Reuters (Arquivo)

O departamento que gere as bases de dados da FIFA esclareceu à agência Lusa que a Taça Latina, que o Benfica conquistou em 1950, “não merece o reconhecimento oficial” do organismo.

O mesmo departamento explicou à Lusa que as leis do jogo em vigor na altura “não eram aplicadas nessa competição”, pelo que a FIFA “nunca se referiu aos vencedores da Taça Latina em quaisquer das suas publicações”.

Desta forma, a Taça Latina não deve figurar na lista de troféus internacionais oficiais conquistados pelo Benfica, pelo que o FC Porto passou mesmo a ser o clube português com mais títulos desde o último domingo, quando conquistou a 16.ª Taça de Portugal da sua história, somando um total de 69, contra 68 do Benfica.

Com o triunfo por 6-2 sobre o Vitória de Guimarães, o FC Porto somou o 69.º título, mais um do que o total do Benfica, que esta temporada só ganhou a Taça da Liga, enquanto os “dragões” conquistaram campeonato, Taça, Supertaça e Liga Europa.

O FC Porto pode dilatar a vantagem para o Benfica já no início da próxima época, pois terá logo no arranque da temporada dois troféus para disputar: a Supertaça de Portugal, novamente diante do Guimarães, e a Supertaça Europeia, contra Barcelona ou Manchester United, que disputam no sábado a final da Liga dos Campeões.

Este departamento da FIFA acrescentou que a Taça Intercontinental, ganha pelo FC Porto em 1987 e em 2004 (última edição) é reconhecida oficialmente pela FIFA “desde a sua criação”, em 1960, mesmo quando passou a chamar-se Taça Toyota, a partir de 1980.

No entanto, só a partir de 2005, ano em que a FIFA começou a organizar o Mundial de Clubes, é que passou a ser consagrado pelo organismo o clube campeão do mundo.

O FC Porto é identificado pela FIFA como vencedor da Taça Toyota, até 2004 disputada apenas entre o campeão europeu e o sul-americano.