Reacções ao prémio

Manuel Gusmão: “Excelente cronista e excelente poeta”

"É um prémio bem atribuído. Manuel António Pina é um excelente cronista e, aquilo que é para mim o mais importante, um excelente poeta. É uma distinção da dimensão social e política das suas crónicas, mas também da sua qualidade enquanto poeta, que considero o mais relevante na sua obra.

É um poeta que conhece muito bem a linguagem com que trabalha, com uma subtileza que se revela não apenas na criação da frase mas na construção do poema.

Poderá haver modéstia quando Manuel António Pina considera inesperada a distinção, e não digo falsa modéstia, digo modéstia mesmo, porque julgo que o Prémio [Camões] corria o risco de privilegiar a ficção. Nesse sentido sim, diria que é inesperado."

Manuel Gusmão, poeta, crítico e ensaísta.