Liga dos Campeões

UEFA abre processo disciplinar a Mourinho

Mourinho e os árbitros, uma guerra que já vem dos tempos do Inter
Foto
Mourinho e os árbitros, uma guerra que já vem dos tempos do Inter Foto: Alessandro Garofalo/Reuters

O organismo que tutela o futebol europeu considerou que o treinador do Real Madrid teve “declarações inapropriadas” no final do jogo com o Barcelona.

A UEFA anunciou nesta quinta-feira que abriu um processo disciplinar ao treinador do Real Madrid José Mourinho, devido às declarações do português no final do primeiro encontro das meias-finais da Liga dos Campeões, que o Barcelona venceu no Bernabéu por 0-2.

O organismo europeu para o futebol considerou “inapropriadas” as declarações de José Mourinho, que disse, entre várias coisas, que teria vergonha de vencer uma Champions da maneira que o Barcelona já ganhou (referindo-se à meia-final frente ao Chelsea em 2009) e à partida de quarta-feira.

Além disso, a UEFA abriu também um processo ao Real Madrid por invasão do terreno de jogo, lançamento de objectos e à expulsão de Pepe.

Aquela mesma entidade também decidiu inteirar-se sobre o cartão vermelho mostrado a Pinto, guarda-redes suplente do Barcelona expulso no caminho para os balneários ao intervalo.

O Comité de Controlo e Disciplina da UEFA irá reunir-se na próxima sexta-feira 6 de Maio para estudar os acontecimentos do clássico da Chmapions entre Real e Barça e ver que sanções irá tomar.

Notícia actualizada às 17h45