Durante a conferência da plataforma "Construir Ideias"

Passos Coelho promete não “enxamear a Administração Pública” de quadros do PSD

Passos Coelho garante que não vai enxamear a Administração Pública de quadros do PSD
Foto
Passos Coelho garante que não vai enxamear a Administração Pública de quadros do PSD Daniel Rocha

O presidente do PSD, Pedro Passos Coelho, considerou hoje que os sociais-democratas também contribuíram para a “colonização do Estado” e prometeu não “enxamear a Administração Pública” de quadros do seu partido se formar Governo.

“Quando alguém nos diz que também contribuímos para a colonização do Estado, é verdade. Não o digo com mais à vontade por não ter estado em Governo algum, digo-o como membro do PSD. O PSD também tem essa responsabilidade, não sacudimos a nossa água do capote”, declarou Pedro Passos Coelho, durante uma conferência da plataforma “Construir Ideias”, num hotel de Lisboa.

Segundo o presidente do PSD, os sociais-democratas têm de “aprender com esses erros”.

“Não vamos para o Governo para enxamear a Administração Pública de quadros do PSD e não vamos meter nos gabinetes dos ministros e dos secretários de Estado um exército de gente que constitua administração paralela àquela que já existe no Estado”, disse.

“Nós temos de conseguir comunicar isto ao país, para que o país perceba que também nós aprendemos com o nosso passado, em primeiro lugar, e, em segundo lugar, que o que nos move é o sentimento de justiça e, isso sim, é o importante”, acrescentou.

Sugerir correcção