Amazon vende mais barato Kindle com publicidade

O fundador da Amazon com um Kindle de 9,7 polegadas
Foto
O fundador da Amazon com um Kindle de 9,7 polegadas Reuters

A Amazon vai passar a vender uma versão do Kindle mais barata 25 dólares – em contrapartida, o aparelho passa a ter publicidade. Mas esta opção só estará disponível nos EUA.

O novo Kindle Special Offers – foi o nome encontrado para a empresa para designar um Kindle com anúncios – começará a ser comercializado a 3 de Maio no mercado americano.

Os anúncios vão aparecer no menu do aparelho e no protector de ecrã, quando este não está a ser utilizado. Mas não haverá publicidade dentro dos livros.

A General Motors, a Procter & Gamble e a Visa são algumas das empresas que já negociaram publicidade neste novo modelo. Para além destas, a Amazon também usará os espaços publicitários para exibir as suas próprias promoções.

A Amazon criou também uma aplicação para o Kindle e um site chamados AdMash, que mostrarão aos utilizadores pares de protectores de ecrãs com publicidade. Em cada par, os utilizadores podem escolher o que preferem (ou indicar que não gostam de nenhum) e os anúncios mais votados são os que vão depois ser exibidos nos aparelhos.

Até agora, a versão mais barata do Kindle custava 139 dólares para alguém nos EUA (e também 139 euros para um cliente em Portugal). O Special Offers custará 114 dólares. Para além destes, a Amazon ainda vende um Kindle com conectividade 3G integrada, por 189 dólares. São todos aparelhos com ecrãs de seis polegadas. O Kindle maior (com ecrã de 9,7 polegadas) custa 379 dólares.