Pinto da Costa: “Apagou-se tudo, até a luz”

Foto
Pinto da Costa (aqui na apresentação de Villas-Boas) usou novamente a ironia Adriano Miranda (arquivo)

“Apagou-se tudo, até a luz. Foi uma vitória total, dentro do campo, durante os 90 minutos, com um critério de arbitragem que vocês viram. Apagámos realmente a Luz durante o jogo e para ser completo, apagou-se a luz depois do jogo. Ficaram as trevas”, referiu Pinto da Costa, na zona mista do Estádio da Luz em Lisboa.

Questionado sobre o segredo da vitória “azul e branca” no campeonato, o presidente do clube portuense ironizou que “foi tudo sorte, porque o Benfica realmente é uma grande equipa”.

Apesar de ter assegurado o 25.º título nacional no terreno do “rival” e campeão 2009-10 Benfica, o presidente dos “dragões” revelou satisfação, salvaguardando que seria indiferente conquistá-lo noutro palco.

“A sensação de ganhar um campeonato é sempre uma sensação de felicidade. Já nem sei quantos são. Agora, ser na Luz ou não, para mim era indiferente. Para mim era absolutamente indiferente”, frisou Pinto da Costa.

Sugerir correcção
Comentar