“O Cisne Negro” foi o grande vencedor nos Spirit Awards

Natalie Portman foi mais uma vez distinguida pela sua interpretação
Foto
Natalie Portman foi mais uma vez distinguida pela sua interpretação Reuters

O filme venceu em todas as categorias para as quais estava nomeado

"O Cisne Negro", de Darren Aronofksy, venceu nas categorias todas para que estava nomeado nos prémios do cinema independente americano, os prestigiados Spirit Awards, colocando-se à frente na corrida aos Óscares.

O "thriller" psicológico sobre o mundo da dança em Nova Iorque e sobre uma bailarina caída em desgraça venceu quatro estatuetas, incluindo melhor filme, melhor realizador, para Darren Aronofksy, e melhor cinematografia. Natalie Portman foi distinguida como a melhor actriz.

Em declarações à BBC, Aronofsky mostrou-se muito contente com as distinções mas salientou o desempenho da actriz premiada. "Ter esta performance incrível dá-nos tudo. Estarei para sempre em dívida com a Natalie Portman".

James Franco, que estará mais logo a apresentar a cerimónia dos Óscares, foi premiado na categoria de melhor actor, pelo seu papel no filme "127 Horas". Categoria para a qual também está nomeado pela Academia.

"O Discurso do Rei" venceu na categoria de melhor filme estrangeiro e o documentário que tem lançado a polémica em Los Angeles, "Exit Through the Gift Shop", do artista britânico Banksy, foi considerado o melhor documentário. Thierry Guetta, mais conhecido como Mr Brainwash, foi quem apareceu para receber a estatueta. O suspense sobre se Banksy aparecerá na cerimónia de hoje continua em aberto. "Ele vai aparecer, não vai... É como o filme, uma grande questão", deixou em aberto Mr Brainwash, em declarações à BBC.

"Despojos de Inverno", de Debra Granik, foi o grande derrotado da noite. O filme estava nomeado para sete categorias mas venceu apenas em duas, melhor actor secundário e melhor actriz secundária, John Hawkes and Dale Dickey, respectivamente.

"Os Miúdos Estão Bem" estava nomeado para cinco categorias mas foi apenas distinguido com o prémio de melhor argumento.

A entrega dos Spirit Awards são uma espécie de aquecimento para o evento mais aguardado da agenda do cinema, os Óscares. O cerimónia aconteceu este sábado à noite, em Santa Mónica, Los Angeles.