São João da Madeira eleito melhor município para viver

A iniciativa Os melhores municípios para viver vai na terceira edição e, este ano, foi São João da Madeira que arrecadou o troféu de melhor município. De entre 20 candidatos, o Instituto de Tecnologia Comportamental (Intec), que realiza o estudo em parceria com o semanário Sol, elegeu São João da Madeira, que no ano passado tinha ficado em quinto lugar. A cerimónia de entrega de prémios aos melhores municípios realizou-se durante a II Conferência Nacional de Qualidade de Vida, que decorreu ontem, no Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas da Universidade Técnica de Lisboa.

O Intec baseia-se em dez parâmetros para escolher o melhor município: economia e emprego; acessibilidade e transportes; urbanismo e habitação; diversidade e tolerância; identidade, cultura e lazer; ensino e formação; turismo; ambiente; saúde; felicidade. Inquéritos feitos à população permitem determinar o grau de satisfação em relação à qualidade de vida em cada município. O parâmetro da felicidade é o único que é avaliado apenas com base em informações conseguidas junto dos habitantes. Segundo o estudo do Intec os são-joanenses são os mais satisfeitos com a vida em geral e é em São João da Madeira que existe a melhor taxa bruta de escolarização no ensino secundário. O município está ainda em primeiro lugar em termos de acessibilidade e transportes e conta com os melhores espaços verdes e a maior limpeza de ruas.

Também foram atribuídos troféus a outros municípios, que se destacaram, de forma particular, num dos parâmetros avaliados. Évora foi eleito concelho mais bonito, Serpa o mais seguro e Idanha-a-Nova o mais ecológico. Cartaxo e Entroncamento são os municípios que têm menos desempregados. Aveiro ganhou na economia, o Algarve no turismo e o Porto na saúde. É em Santo Tirso que há maior satisfação em relação aos serviços médicos.10