Futebol internacional

Nicola Pozzi (Sampdoria) suspenso por um jogo por blasfémia

Pozzi (ao centro) vai cumprir um jogo de castigo
Foto
Pozzi (ao centro) vai cumprir um jogo de castigo Foto: DR

A Sampdoria vai recorrer do castigo de um jogo de suspensão por “blasfémia” aplicado ao jogador Nicola Pozzi, por o considerar “absurdo”, revelou esta quinta-feira o treinador do clube italiano, Domenico Di Carlo.

Nicola Pozzi foi suspenso na quarta-feira por um jogo por ter alegadamente proferido, no final do jogo de domingo contra o Cesena, para a Liga italiana, a expressão tida como ultrajante “Porco Dio” (Porco Deus).

“É um absurdo”, defende Di Carlo. “Ele terá dito qualquer coisa 20 minutos após o termo do jogo, num corredor, conversando com um colega e comendo uma sanduíche de presunto. Devemos ter um pouco mais de senso”, explicou.

A Sampdoria está ainda mais indignada pelo facto de no mesmo dia o jogador Cesare Bovo, do Palermo, ter gritado “Porco Dio” a um árbitro assistente, num desabafo registado pelas câmaras televisivas, sem ter incorrido em qualquer castigo.

A confirmar o castigo aplicado a Nicola Pozzi, o jogador da Sampdoria – sexta classificada da Liga italiana de futebol – falhará a recepção no domingo ao Catania (14.º), em jogo referente à 10.ª jornada.