A partir de agora, o leitor também faz a notícia com questões a que o publico.pt dá resposta

Foto
A secção "A minha rua é notícia" está desde ontem no PÚBLICO

Nova ferramenta online lançada ontem permite que os leitores denunciem problemas das zonas onde vivem. Ao PÚBLICO, compete esclarecer dúvidas

"Em Sesimbra, não existe um parque infantil", lia-se ontem no PÚBLICO online. Foi esta a primeira questão colocada por um leitor no âmbito de um novo desafio na Internet, quando passam 15 anos desde a estreia do jornal na World Wide Web. Chama-se A Minha Rua é Notícia e a novidade reside na participação activa do leitor, que agora pode denunciar problemas da sua rua ou localidade, indicando-o num mapa onde ficam registadas todas as queixas, e que passa a estar partilhado com todos os leitores da versão online.

O método é simples, e funciona através do serviço Google Maps. Basta o utilizador ter uma conta da Google, fazer login, e aceder ao conteúdo disponibilizado no site do PÚBLICO (www.publico.pt/15Anos/AMinhaRua). Em seguida, assinala-se o ponto pretendido no mapa e numa caixa de texto escreve-se a denúncia. Já está.

Ontem, ao início da noite, já eram cerca de cinquenta as denúncias apresentadas. Para já, obras inacabadas ou mal feitas, estradas com buracos, ruas sem iluminação nocturna, ausência de ecopontos para a recolha de lixo ou o ruído excessivo são algumas das queixas.

À medida do tempo, e dentro do que for possível, o PÚBLICO vai procurando dar resposta às denúncias apresentadas pelos leitores.

Um dos utilizadores apresentou uma queixa no site no PÚBLICO, na qual afirmava que, "em Sesimbra, não existe um parque infantil". Uma outra queixa do mesmo utilizador refere que, na Cotovia, localidade do concelho de Sesimbra, também "não existe um espaço verde onde as crianças possam brincar de forma segura".

A Câmara Municipal de Sesimbra, contactada pelo PÚBLICO, veio esclarecer que, ao contrário do que pensara o leitor, existem parques infantis no concelho: "Sesimbra é uma pequena vila situada numa encosta virada a sul e rodeada pela serra da Arrábida e pela praia. O espaço urbano está implementado na encosta, o que torna difícil a criação de espaços verdes ou parques infantis. Apesar disso, existe um parque infantil e espaço de manutenção no areal da praia do Ouro. Há também um outro parque no Bairro de Argéis, no centro da vila. Para além disso, junto ao Estádio da Vila Amália, também na vila de Sesimbra, está em construção um parque urbano com caminhos pedonais, equipamentos de manutenção e zona para crianças".

No que respeita à Cotovia, a autarquia refere que a localidade "não tem, neste momento, um espaço verde no centro do aglomerado habitacional; contudo, na Quintinha, uma zona muito próxima da Cotovia, existe o Parque dos Sobreiros, recentemente inaugurado". E ainda há mais: "Foi instalado, recentemente, um espaço de desporto e lazer em Santana, perto da Cotovia. Está também prevista a remodelação do Jardim de Santana". Na mesma zona, existem ainda outros cinco parques.

Estas são as primeiras queixas a que o PÚBLICO dá resposta online, contactando as entidades com competência para responder às dúvidas dos leitores, tais como câmaras municipais e juntas de freguesia, forças de segurança, etc.