Roland Garros

Japonesa de 39 anos faz cair a finalista nas últimas duas edições

Safina suou bastante e não foi capaz de ultrapassar a chinesa
Foto
Safina suou bastante e não foi capaz de ultrapassar a chinesa

A tenista russa Dinara Safina foi esta terça-feira inesperadamente eliminada pela japonesa Kimiko Date Krumm na ronda inaugural do Grand Slam francês

A finalista das duas últimas edições caiu frente à segunda jogadora mais velha (39 anos) a disputar um encontro de Roland Garros desde a era Open, Safina, nascida 15 anos antes, fez jus aos recentes maus resultados na terra batida e despediu-se logo à primeira.

Tal como já tinha sucedido em Madrid e Roma, a irmã de Marat Safin, antigo líder do circuito masculino, tal como Safina no sector feminino, perdeu em Paris também na primeira eliminatória, por 3-6, 6-4 e 7-5, e logo com uma jogadora que regressou ao circuito em 2008, depois de 12 anos de paragem.

Mais velha a jogar em Roland Garros na era Open só a inglesa Virgínia Wade, que disputou a edição de 1985 com 40 anos (nascida em 1945), embora tenha um currículo bem mais rico do que a protagonista da jornada de hoje: ganhou três dos quatro Grand Slam, falhando precisamente em Paris (apenas duas vezes nos quartos-de-final).