Liga Sagres

Assobios para Paulo Sérgio, que deixa o Guimarães fora da Europa

Foto
Paulo Sérgio vai render Carlos Carvalhal Fernando Veludo/nFactos

O Marítimo venceu (1-2) em Guimarães e assegurou o quinto lugar, o que lhe oferece um lugar na Liga Europa. Dois golos de Kléber gelaram a tarde dos adeptos vimaranenses que se despediram do treinador Paulo Sérgio, que na próxima temporada vai treinar o Sporting, com assobios.

Atingiu o seu limite de artigos gratuitos

O Guimarães precisava só de um empate, mas o golo de Valdomiro, que colocou a equipa na frente logo aos 14 minutos, não foi suficiente para assegurar um ponto.

O Marítimo, que precisava de vencer e esperar que o Nacional não ganhasse, em casa, ao Sp. Braga, acabou por conseguir um jackpot graças a dois golos de Kléber (45’ e 81’). Um final inesperado.

O regresso feliz de Bruno Amaro

Bruno Amaro regressou aos relvados depois de um a longa paragem devido a lesão e foi decisivo na vitória que a Académica conseguiu na Figueira da Foz.

Bruno Amaro, recorde-se parou durante oito meses devido a rotura do tendão rotuliano do joelho direito, mas marcou o golo da vitória quando estavam decorridos 81’. Um golo suficiente para decidir uma partida que teve apenas cerca de duas centenas de adeptos nas bancadas.

Com este resultado, a Académica acabou a Liga na 11.ª posição, beneficiando da derrota do Rio Ave na Luz. Já a Naval acabou no oitavo lugar da tabela classificativa, a sua melhor classificação de sempre.

Paços e Olhanense terminam com empate

Em Paços de Ferreira encontraram-se duas equipas que praticam bom futebol e com as contas na tabela resolvidas. Resultado: um espectáculo agradável, principalmente na primeira parte, e um empate a dois golos.

O Paços construiu várias jogadas de perigo na primeira metade. E Romeu Torres, aos 5’, colocou a equipa da casa em vantagem. Djalmir, um brasileiro que marcou um total de 12 golos, empatou aos 43’.

O Paços voltou a adiantar-se no marcador, aos 74’, por Candeias, mas Djalmir empatou novamente quando faltavam três minutos para o final. Rabiola e Romeu Torres ainda tiveram oportunidades de marcar para cada uma das equipas.