Guterres satisfeito com reeleição

Foto
António Guterres

O alto-comissário das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR), António Guterres, revelou ontem no Parlamento Europeu o seu contentamento com a recondução no cargo, considerando "um privilégio extraordinário" poder continuar a exercer este trabalho por mais cinco anos.

"É um privilégio extraordinário podermos dedicar a nossa vida a uma causa que é uma causa em favor daqueles que, porventura, têm no mundo a mais vulnerável das posições", disse em Bruxelas. Já na semana passada o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, tinha proposto o nome do ex-primeiro ministro para continuar à frente do ACNUR.

Sobre um possível regresso à política nacional Guterres apenas disse: "Como cidadão, todos nós temos projectos; para o regresso à política portuguesa tenho um projecto... de não regressar."T.M. com Lusa