Montras servem de galerias de arte por três dias

As montras de 16 lojas de comércio tradicional do Porto vão ser transformadas em galerias de arte, nos dias 16, 17 e 18, numa iniciativa que pretende divulgar os criadores da cidade fora dos circuitos artísticos regulares. Onde existem loiças vão passar a estar fotografias, onde se expõem bicicletas passam a ver-se artes plásticas, vão-se colocar bolos numa lavandaria e na montra da barbearia mais antiga da cidade vai estar o retrato de um Cristo nu - são estas algumas das transformações que o Porto vai sofrer durante um fim-de-semana.

A iniciativa chama-se Troca-se por Arte e mobilizou duas dezenas de artistas que vão "transportar os seus projectos artísticos para as lojas do comércio tradicional", explicou à Lusa Ana Luandina, a fotógrafa que, juntamente com uma designer, promove o evento.