6 Macau20 Orientação 24 Dormir26 Gastronomia30 Vinhos34 Bar aberto36 Motores

Foto

Uma região de fato de gala e em alta rotação. Uma região em forma de slot machine. Uma região que compensa em imaginação o que lhe falta em território. Nuno Sousa e Manuel Roberto rodaram e espremeram as cores deste verdadeiro cubo mágico.Um mapa, uma bússola, uma caminhada a pé. É tanto um desafio como um privilégio e é a proposta da orientação - uma modalidade desportiva que coloca lado a lado no campo atletas profissionais e praticantes de ocasião. Tiago Pimentel e António Carrapato foram experimentá-la à vila do Crato. Voltaram cansados mas contentes, com os pulmões cheios de ar e vontade de repetir.Na Casa da Cisterna há quartos com lareira, uma cama com vista para as estrelas e ninhos nos parapeitos. Ana Pedrosa e António Sá seguiram o cheiro a bolo acabado de fazer e descobriram um refúgio acolhedor em Castelo Rodrigo.Há, no domínio dos vinhos e petiscos, como noutros, ideias erradas, nuns casos fruto da ignorância, noutros do preconceito. Ao fim de 20 anos a tratar destes temas no PÚBLICO, David Lopes Ramos escolheu 20 e examina-os de forma mais ou menos pormenorizada. Esmiúça-os, para empregar o verbo que os Gato Fedorento puseram na moda.Rui Falcão revela esta semana alguns dos segredos dos vinhos de abadia, ao passo que Pedro Garcias comenta a falta de apoios governamentais ao Festival Montréal en Lumière, que teve Portugal como país convidado. O Grandes Quintas Reserva Tinto 2007 é o vinho em destaque na secção de provas. O Artis marcou a noite alfacinha e a do Bairro Alto durante muitos anos. Subitamente fechou portas e deixou muitos fãs desolados. Não voltará a ser o que era. Mas acaba de voltar, prometendo surpreender: eis o novel Artis, bar de vinhos e petiscos, "100% português", apostado em cultivar o que de melhor se produz em Portugal.A Fugas testa esta semana outro desportivo de "grande porte", o Opel Insignia OPC, um automóvel de elevada performance, proposto por preço competitivo. Conheça ainda as alterações introduzidas no Toyota Auris - incluindo uma versão híbrida com um consumo médio de 3,8 l/100 km -, o motor mais potente da Volvo V70 D5, um novo pneu da Michelin, simultaneamente desportivo e ecológico e, por fim, um veículo de duas rodas made in Portugal: a AJP PR5 250.