Autor afegão sobrepõe-se a escritores como Stephenie Meyer ou J. K. Rowling

Hosseini é o escritor mais vendido mundialmente segundo três revistas da especialidade

Dos autores lusófonos, Paulo Coelho aparece na vigésima posição da lista
Foto
Dos autores lusófonos, Paulo Coelho aparece na vigésima posição da lista David Clifford

O autor mais vendido em 2008 é Khaled Hosseini, autor, de origem afegã de "O Menino de Cabul" (Relógio d'Água) e "Mil Sóis Resplandecentes" (Presença). Esta é a conclusão de uma análise das tabelas de livros mais vendidos em França, Inglaterra. China, Espanha, Alemanha, Itália, Holanda, Suécia e Estados Unidos feita por três revistas de editores e livreiros: a francesa "Livres Hebdo", a britânica "The Bookseller" e a norte-americana "Publishers Weekly". Os livros de Hosseini fizeram parte da lista dos 10 mais vendidos em sete dos nove países analisados, revela o "Guardian".

Em segundo lugar ficaram os livros do sueco Stieg Larrson, autor da trilogia "Millenium", editada pela Oceanos, cujos dois primeiros livros, "Os Homens que Odeiam Mulheres" e "A Rapariga que Sonhava com uma Lata de Gasolina e um Fósforo" já foram publicados em Portugal, e em terceiro lugar está Ken Follet, autor de "Um Mundo Sem Fim". Apesar de os livros de Follet fazerem parte dos 10 mais vendidos em sete países e os de Larsson somente em cinco, a soma de vendas de livros do escritor sueco é superior à de Follet.
Também fazem parte da lista J.K. Rowling, autora da saga "Harry Potter", que ficou em nono lugar com o número de vendas a ser afectado depois de a saga ter terminado com a publicação do último livro em 2007, e o autor de "O Alquimista", de Paulo Coelho (Pergaminho), que é o 20º autor mais vendido no mundo.

Na realidade, os escritores acima são uma excepção porque são poucos os que conseguem ter sucesso de vendas fora do seu país de origem. "Menos de 10 por cento dos autores conseguem transitar para outro país - eu acho que isto é extraordinário", comenta ao "Guardian" Philip Jones editor do site da "The Bookseller". "Isto é parcialmente causado pelo facto de os editores não gostarem de vender autores noutros países - eles têm tendência a ficar-se pelo seu território", justifica.

Em Portugal não há dados sobre os livros mais vendidos.

Lista dos 20 autores de livros mais vendidos em 2008:

1. Khaled Hosseini


2. Stieg Larsson


3. Ken Follett


4. Stephenie Meyer


5. Muriel Barbery


6. Carlos Ruiz Zafón


7. Anna Gavalda


8. John Grisham


9. J.K. Rowling


10.Henning Mankell


11.Alan Bennett


12.Jodi Picoult


13.Christopher Paolini


14.David Baldacci


15.Nicholas Sparks


16.Elizabeth George


17.Lauren Weisberger


18.Michael Connelly


19.Patricia D. Cornwell


20.Paulo Coelho


Notícia alterada às 23h26