Agência da ONU de ajuda aos palestinianos suspende auxílio a Gaza

Foto
A jornada de hoje está a ser particularmente violenta em Gaza. Israel já levou a cabo mais de 60 ataques aéreos durante o dia e o número de mortos ascende já a 763 Suhaib Salem/Reuters

“A UNRWA suspendeu as suas operações em Gaza”, afirmou Chris Gunness, o porta-voz da agência, que distribui alimentos a cerca de 750 mil pessoas naquele território.

“Manteremos essa suspensão enquanto as autoridades israelitas não garantirem a segurança das nossas equipas”, acrescentou Gunness.

“Uma coluna de automóveis que se dirigia para Erez foi atacada”, anunciou Gunness. “Dois morteiros foram disparados contra um camião e morreu uma pessoa”, acrescentou, sublinhando que o envio da coluna de veículos tinha sido combinado previamente com o Exército israelita.

A jornada de hoje está a ser particularmente violenta em Gaza. Israel já levou a cabo mais de 60 ataques aéreos durante o dia e o número de mortos ascende já a 763, de acordo com o mais recente balanço fornecido pelas equipas de socorro.

Depois do meio-dia de hoje contavam-se já 763 vítimas mortais, indicou o chefe dos serviços de emergência na Faixa de Gaza, Mouawiya Hassanein.

Sugerir correcção
Comentar