Eléctrica prevê empregar 200 pessoas

EDP vai criar segundo centro de contactos em Seia

Os serviços da EDP vão entrar em funcionamento em Janeiro do próximo ano
Fotogaleria
Os serviços da EDP vão entrar em funcionamento em Janeiro do próximo ano Rui Gaudêncio/PÚBLICO (arquivo)
Fotogaleria

A EDP anunciou a abertura, em Seia, de um "contact-center", que prevê a criação de mais de duzentos postos de trabalho, tendo assinado hoje com a câmara municipal local um protocolo nesse sentido.

Com a instalação do segundo centro nacional de contactos telefónicos da empresa - o primeiro funciona desde 2001, em Odivelas -, a EDP Soluções Comerciais prevê criar entre 150 a 200 posições de atendimento, o que equivalerá a entre 200 e 250 empregos directos.

O investimento na nova estrutura, que funcionará nas instalações da subestação de Seia, em Quintela, deverá rondar os dois milhões de euros, com o serviço a entrar em funcionamento em Janeiro de 2008, segundo o responsável da EDP Soluções Comerciais Jorge Morais.

Atender uma média de quatro milhões de clientes por ano é um dos objectivos traçados.

A escolha de Seia para a localização deste "contact center" deve-se, segundo o mesmo responsável, "à relação histórica" da empresa com Seia e à existência de instalações adequadas à instalação de um equipamento "de última geração".