É o ano da Pantera

Pantera Cor-de-Rosa faz 40 anos

Foto
DR

Foi há exactamente 40 anos que a Pantera Cor-de-Rosa foi criada por Friz Freleng e David DePatie, efeméride que é celebrada a partir de hoje nos Estados Unidos com uma série de eventos. Entre estes, contam-se a edição de um selo e a realização de um concerto de tributo ao criador do tema musical da Pantera Cor-de-Rosa, Henry Mancini, no Walt Disney Concert Hall, em L.A., na terça-feira, dez anos após a morte do compositor.

É o ano da pantera, mas também de Mancini: a Pantera Cor-de-Rosa foi criada para o genérico do primeiro filme, em 1964, realizado por Blake Edwards. Acompanhada pela música de Mancini, a sequência animada de três minutos e meio tornou-se mais popular que o filme, pelo que Freleng e DePatie foram contratados para criar uma série de animação protagonizada pela sua personagem.

A Pantera Cor-de-Rosa é capa da revista "Time" a 27 de Abril de 1964 e, a 18 de Dezembro, surge a primeira curta de animação "The Pink Phink", premiada com um Óscar no ano seguinte. Em 1969, começa a série televisiva de animação.

No âmbito das comemorações do aniversário da pantera, os estúdios da MGM lançaram uma edição especial de seis DVD, com os cinco filmes realizados por Blake Edwards e com Peter Sellers no mítico papel do Inspector Clouseau, mais um disco-bónus.

A Academia de Hollywood distinguiu este ano Blake Edwards com um prémio de carreira. Um novo filme da Pantera Cor-de-Rosa está a ser preparado, com Steve Martin no papel do Inspector Clouseau, além de Beyoncé Knowles e Jean Reno (e, possivelmente, o jogador de futebol David Beckham no papel de... um jogador de futebol). Shawn Levy e Ivan Reitman realizam. A estreia está prevista para o próximo ano.