Regressam à Roménia

Restos mortais do rei Carol II deixam hoje Lisboa

Os restos mortais do rei Carol II da Roménia deixam hoje o Panteão da Casa de Bragança, em Lisboa, meio século depois da fuga do monarca para Portugal onde acabou por morrer.

A trasladação dos restos mortais do rei e os da sua terceira mulher, Helena Lupescu, sepultados no Mosteiro de S. Vicente de Fora, decorreu durante a manhã com uma cerimónia religiosa ortodoxa.

Apesar de ter sido uma das figuras mais polémicas de sempre na Roménia, devido à sua acção política e a uma vida pessoal conturbada por três casamentos, Carol II foi admirado em Portugal, acabando por morrer no Estoril em 1953, aos 59 anos.

A cerimónia de encomendação reunirá os descendentes do primeiro casamento do rei Carol II, há pouco tempo reconhecidos como legítimos na Roménia, e os do segundo matrimónio, desde sempre considerados os sucessores de direito.

Reconhecido por Portugal como herdeiro legítimo do rei Carol II (do primeiro casamento), o príncipe Paul presta assim uma última homenagem ao seu avô fazendo-se acompanhar pela sua mulher, a princesa Lia.

Das segundas núpcias do rei Carol II, com a princesa Helena da Grécia, em 1921, nasceu o filho Miguel, actualmente com cerca de 80 anos e que, apesar da fria relação que manteve com o pai, aceitou a trasladação dos restos mortais, mas não vai comparecer na cerimónia.

Em sua representação virá o seu genro, o príncipe Radu Duda. A delegação oficial romena será chefiada pelo ministro da Cultura, Razvan Theodorescu, enquanto o seu homólogo português, Pedro Roseta, representará o Governo português.

Os restos mortais do monarca seguem para Bucareste num avião militar que partirá da Base Aérea AT-1 de Lisboa e onde seguirá também a família real.

O ministro dos Negócios Estrangeiros português, Martins da Cruz, que hoje chega à Roménia, irá participar nas cerimónias à chegada ao aeroporto.

Carol II, da Roménia, deverá ser sepultado no Cavou Regal, na Catedral da Família Real Romena, em Bucareste. A princesa Helena Lupescu, que faleceu no Estoril em 1977, deverá ficar sepultada numa pequena capela ao lado.

O rei Carol II nasceu em 1893 em Sinaia e foi o primogénito do rei Ferdinando I Hohenzohern e de Maria, grã duquesa de Saxe.