Redes sociais

Todos os tópicos

  • Uma série de anúncios presentes nas redes sociais convida os americanos a deslocarem-se à cerimónia de tomada de posse de Donald Trump.

  • Só na noite da passagem de ano, foram enviadas por email quatro mil fotografias tiradas nos ecrãs Tomi, em Lisboa.

  • É um trabalho sujo mas alguém tem de o fazer: ver e apagar imagens de actos hediondos, incluindo pedofilia, para manter a Internet limpa. Só que os efeitos psicológicos podem ser severos. Nos Estados Unidos, dois funcionários levaram a Microsoft a tribunal.

  • Há um buraco no sistema de encriptação do WhatsApp que em teoria permite a leitura de mensagens pela empresa ou por outra entidade.

  • Uma profissão que discute sem saber se está virada para o passado ou para o futuro, assumindo apenas a crise que vive no presente.

  • Basta fazer uma busca pelo nome de Soares nas redes sociais para perceber que ele continua, mesmo depois de morto, a ser identificado pela extrema-direita portuguesa e pelos novos populistas conservadores como o grande inimigo, alvo de todos os ataques.

  • Uma advogada esteve a "traduzir" a linguagem hermética da versão dos termos e condições em inglês. Crianças e jovens afirmam que não utilizariam a rede social se soubessem com o que estavam a concordar.

Viva experiências, seja exclusivo, desafie os limites da
melhor informação

Saiba mais