Primeiro-ministro assumiu que o ministro da Educação, que esta segunda-feira o acompanhou na visita a um centro escolar, em Esposende, colocou o lugar à sua disposição, mas a forma como “agarrou” o problema da colocação dos docentes mostra que acertou quando o convidou para o Governo.