Depois de ter entrado em coma após paragens cardio-respiratórias

Benfica: morreu Bruno Baião

PUBLICO.PT

O jovem internacional português da equipa júnior de futebol do Benfica Bruno Baião morreu hoje no Hospital Curry Cabral, após ter passado quatro dias em coma profundo, noticiou a RTP.

O médio da equipa dos júniores do Benfica sofreu na terça-feira duas paragens cardio-respiratórias, tendo passado os últimos quatro dias em coma profundo.

Já ontem, o director do Hospital Curry Cabral, Pedro Canas Mendes, tinha comunicado que o estado do médio júnior do Benfica apresentava "um prognóstico de grande gravidade".

Bruno Baião sofreu a primeira paragem cardio-respiratória na terça-feira, cerca das 12h00, meia-hora após o treino conjunto dos "encarnados", caindo inanimado no chão, após receber telefonicamente a notícia de que assinaria um contrato profissional com a equipa principal.

O acidente ocorreu num café próximo do campo de treinos, na zona dos Olivais, sendo o "capitão" dos júniores do Benfica assistido pelo massagista da equipa e, perto de 25 minutos depois, segundo o colega de equipa Tiago Santos, por uma equipa do INEM.

Já nas urgências do hospital, Bruno Baião voltou a sofrer nova paragem cardio-respiratória, tendo sido depois internado na Unidade de Cuidados Intensivos.

Comentários

Os comentários a este artigo estão fechados. Saiba porquê.