Nos Paços do Conselho, em Lisboa

Sem-abrigo protestam contra possível fecho de albergue de Xabregas

O centro abriga actualmente 68 pessoas Fernando Veludo/PÚBLICO (arquivo)

Perto de 20 sem-abrigo estão esta noite concentrados nos Paços do Concelho, em Lisboa, em protesto contra o possível encerramento do centro de acolhimento de Xabregas, marcado para amanhã, por falta de pagamento da autarquia.

O centro, que abriga actualmente 68 pessoas, pode vir a fechar portas devido a uma dívida de mais de 200 mil euros por parte da Câmara de Lisboa.

Fonte do Exército de Salvação Nacional, responsável pelo centro de Xabregas, afirmou que caso não se concretize o pagamento de pelo menos uma parcela da dívida até amanhã, a instituição vai mesmo fechar as portas do albergue.

A comissão administrativa da Câmara de Lisboa disse ter realizado hoje a transferência de parte da dívida para o Exército de Salvação Nacional.

Após a informação de que a autarquia já teria transferido parte da verba em dívida, Sandra Martins, coordenadora social desta instituição, adiantou que o Exército da Salvação Nacional tem prevista para amanhã uma conferência de imprensa sobre a possibilidade do fecho daquele espaço "Até vermos que a transferência entrou na conta, a conferência mantém-se", disse.

O centro de Xabregas é suportado pela autarquia e pela Segurança Social no âmbito de um protocolo celebrado com esta instituição, estando a cargo da câmara municipal o pagamento de 50 por cento das despesas, garantindo Sandra Martins que "a Segurança Social paga sempre dentro do prazo, e fazem-no mensalmente, o que permitiu manter o centro até esta altura".

Comentários

Os comentários a este artigo estão fechados. Saiba porquê.

Nos Blogues