Life and Adventures of Jack Engle foi publicado em 1852 e, nele, o futuro autor de Folhas de Erva encontrava-se num período de transição, experimentando diferentes géneros literários.

  • Life and Adventures of Jack Engle foi publicado em 1852 e, nele, o futuro autor de Folhas de Erva encontrava-se num período de transição, experimentando diferentes géneros literários.

  • Para saber escrever, não dar erros e ter imaginação, é preciso ler, depois ler e a seguir ler. Quem o diz é António Mota, que nesta quinta-feira visitou uma escola na Póvoa de Varzim, em sessão partilhada com David Machado. Em 18 anos, o Correntes d’Escritas nas Escolas já chegou a 10 mil alunos.

  • George Saunders retrata a América actual pelo lado do absurdo e partindo do princípio do prazer. O seu território é o das classes pobres cujo sofrimento capta pelo humor, porque só rindo consegue passar a dor da humilhação. Uma conversa a partir de Pastoralia, que acaba de sair em Portugal.

  • O livro de poemas A Sombra do Mar recebeu esta quarta-feira o Prémio Literário Casino da Póvoa.

  • É um dos grandes filmes do ano: uma biografia de Stefan Zweig que é também uma radiografia do fim de um mundo. Maria Schrader, a realizadora de Stefan Zweig – Adeus, Europa, explica que quis fazer um filme sobre a Europa vista de longe, à distância do exílio.

  • Clube de Coleccionadores de Gaia disponibiliza bancas gratuitas para quem quiser vender os livros que tem por casa.

  • De 7 a 12 de Março a obra do escritor será toda uma festa.

  • Novo espaço no Cais do Sodré quer levar os autores lusófonos aos locais e aos turistas, num ambiente que evoca essa boémia onde a literatura tantas vezes floresce.

  • Retrato verrinoso dos últimos anos do colonialismo britânico no Oriente, a partir da experiência biográfica do autor, não deixa de ser um romance. Romanesco e tudo.

O Público faz anos e o presente é para si! Saiba mais