Instituto Nacional de Estatística

Todos os tópicos

Condições meteorológicas permitiram a realização dos trabalhos agrícolas, mas em algumas explorações a água disponível é insuficiente para as culturas no Alentejo, como vinha e olival, ou dar de beber aos animais, refere o INE.

  • Condições meteorológicas permitiram a realização dos trabalhos agrícolas, mas em algumas explorações a água disponível é insuficiente para as culturas no Alentejo, como vinha e olival, ou dar de beber aos animais, refere o INE.

  • O indicador de clima económico em Portugal prosseguiu em Julho a subida registada desde o início do ano, “atingindo o máximo desde Junho de 2002”, divulgou hoje o INE.

  • A economia nacional cresceu 2,8% no segundo trimestre face a igual período do ano passado e 0,2% face ao primeiro trimestre do ano.

  • Com o resto da Europa a ajudar, a economia continuou no segundo trimestre a beneficiar de um clima de optimismo interno e forte desempenho das exportações.

  • É irónico que os fundos europeus que pretendiam reduzir as disparidades regionais tenham sido os mesmos a promover uma maior concentração geográfica das atividades económicas no litoral urbano

  • O regresso do crescimento à economia e o ritmo elevado com que se estão a criar empregos está a contribuir para que o ritmo de diminuição da população portuguesa se esteja a tornar mais moderado, estima o INE.

  • Num momento de melhoria generalizada nas condições do mercado de trabalho português, há indicadores que vão mostrando maior resistência à mudança.

  • Açores e Madeira já não são as “ilhas fecundas” que foram todo o século XX, mas continuam ter os concelhos mais jovens do país. No Dia Mundial da Juventude, olhamos para arquipélagos. E procuramos explicações.

  • Aumento será o maior desde 2013. Valor final só será apurado com a inflação de Agosto, mas não deverá sofrer grande variação.