Ministro disposto a iniciar processo negocial para rever a disparidade dos horários de 40 e 35 horas semanais

  • Ministro disposto a iniciar processo negocial para rever a disparidade dos horários de 40 e 35 horas semanais

  • No requerimento enviado ao Ministério da Saúde, o partido descreve o impacto da falta de enfermeiros para os utentes portugueses.

  • No dia 22, haverá reunião decisiva com ministro da Saúde.

  • No centro do conflito entre o Governo e os médicos está a reposição do pagamento das horas extraordinárias que vai entrar em vigor um mês depois do previsto e só para alguns profissionais. Campos Fernandes promete diálogo.

  • Futebolistas protestavam contras salários em atraso. Através dos direitos de transmissão, o Estado argentino vai ajudar a aliviar parte da dívida.

  • A paz social prometida para o porto de Libsoa vai ser interrompida em solidariedade com a luta dos estivadores espanhóis. E vai prolongar-se a todos os portos nacionais