Fundação Calouste Gulbenkian

Todos os tópicos

O Feiticeiro de Oz, Jordi Savall e tantos pianos.

  • O Feiticeiro de Oz, Jordi Savall e tantos pianos.

  • A temporada 2017/2018, que esta quinta-feira é apresentada em Lisboa, quer "provocar o público para o consumo pluridisciplinar da música", explica o director do Serviço de Música da fundação, Risto Nieminen.

  • Foram identificadas 541 escolas com níveis de repetência superiores à média nacional, em todos os anos de escolaridade. Foram classificadas como “escolas do insucesso”.

  • Quatro instituições, incluindo a Fundação Bill e Melinda Gates e a Fundação Calouste Gulbenkian, juntaram-se para atribuir mais de 24 milhões de euros à investigação biomédica durante cinco anos.

  • No primeiro Conselho de Administração plenário, presidido por Isabel Mota, realizado esta quinta-feira, a decisão foi tomada por unanimidade.

  • No seu primeiro discurso, Isabel Mota falou de renovação, do apoio aos mais vulneráveis, na cultura como garantia de uma sociedade solidária e de prudência na gestão de recursos. E de como é ainda difícil para uma mulher conciliar família e carreira.

  • É a primeira mulher a presidir a uma fundação com 60 anos e conhece a casa como poucos. Eleita por unanimidade quando Guterres deixou de ser uma opção, toma hoje posse entre expectativas contraditórias de continuidade e mudança.

  • Dez jovens que se abeiravam da exclusão social, quatro artistas que se aproximaram para os incluir naquilo que faziam. Nestas ruas a arte está disponível para todos, dentro e fora de palco.