Em França já se omite o nome e os rostos dos autores de atentados terroristas. Um debate relevante.

  • Em França já se omite o nome e os rostos dos autores de atentados terroristas. Um debate relevante.

  • Malik Petitjean, de 19 anos, tinha ficha por radicalização e seria o jihadista que a polícia francesa procurava há dias por suspeita de estar a preparar ataque.

  • Literatura, cinema e gastronomia portugueses estarão representados na 3.ª edição do festival L’échappée estivale, que começa este fim-de-semana nesta cidade francesa próxima de Poitiers.

  • O Estado Islâmico atingiu o segundo símbolo religioso na Europa desde o seu surgimento O Governo francês pode estar demasiado fraco para travar a divisão entre as maiores confissões nacionais.

  • Sacerdote Jacques Hamel e outras quatro pessoas sequestradas durante a manhã tiveram de se pôr de joelhos para os jihadistas. A oposição francesa aperta com Hollande.

  • Ministro da Educação destaca acordo "muito importante" que permitirá pôr o português ao lado das línguas internacionais mais difundidas.

  • Vitória categórica (4-0) sobre a Itália dá terceiro título da categoria aos gauleses.

  • Chefe do serviço de videovigilância diz ter sido pressionada a incluir presença de elementos da polícia nacional no Passeio dos Ingleses, apesar de assegurar não os ter visto.

  • Os voluntaristas como Marcelo não podem queixar-se do que está a acontecer, porque são consequência de políticas que apoiaram e apoiam, e que estão a destruir o projecto europeu.

  • A polícia alemã fala em “ameaça de terror aguda”. Para baralhar os dados, mais um nome: Munique.