• Em suma, se se pretende que Portugal apresente uma menor desigualdade salarial, nomeadamente deslocando o salário médio e mediano para valores mais elevados, não basta alterar as condições em que se desenrola a negociação coletiva.

  • O conceito de empresa, de corporação, de emprego está a desvanecer-se. Diria eu que está a desaparecer. Diria ainda mais: está arruinado.

  • Num futuro próximo, espera-se que 90% dos postos de trabalho exijam algum tipo de competências digitais.

  • É a taxa de desemprego mais baixa dos últimos sete anos. Entre o primeiro trimestre de 2016 e o de 2017, a economia criou quase 145 mil postos de trabalho.