Secretário de Estado da Saúde, Fernando Araújo, disse "estar preocupado" com a situação, prometendo "para breve regras que definam, com transparência e equidade, o acesso destes utentes que vêm do sector privado".